A categoria dos sedãs médios não tem tido muitas novidades nos últimos anos, o Toyota Corolla por muitos anos foi e vem sendo o sedan médio mais vendido no país. Sem muitas novidades no mercado automotivo, o Corolla ainda reina no topo do mais vendidos, mas existem outras opções tão boas quanto ele, como o Chevrolet Cruze. Confira a seguir outros modelos de sedãs médios que são uma boa opção para você que está pensando em trocar seu carro.

Corolla

O corolla é muito conhecido por sua baixa desvalorização no mercado dos carros semi novos e também por ser considerado “inquebrável”. Com preço a partir de R$ 128.890 na versão XEi, vem equipado com muitos itens, mas fica devendo no ar condicionado digital, vem com bancos revestidos em couro e sensores de estacionamentos, entre outros.

Cruze

O GM Cruze é uma boa opção para você que está procurando um carro com mais tecnologia, como frenagem autônoma em situação de emergência, sistema de permanência em faixa entre outros. Com preço a partir de R $122.850, o modelo é um pouco menos espaçoso que seus rivais, e vem com o menor porta-malas da categoria.

Honda Civic

O maior rival do Corolla, o Civic, sempre foi um carro bem acertado. Com preço a partir de R$ 112.700, a nova versão veio com novidades, uma delas é o ajuste da suspensão e com um visual muito marcante. Faltam itens como sensor de ponto cego, frenagem automática que vem presente nos adversários. O Civic é uma boa opção e um carro muito confortável.

Nissan Sentra

O Sentra vem equipado com motor de 140 cv e câmbio CVT, indo de 0 a 100 km/h em 11s. Com preço de venda a partir de R$ 96.990, o conforto para todos ocupantes é um dos maiores pontos positivos do carro. Nas versões anteriores ele deixou a desejar na central multimídia, mas esse problema foi resolvido nas novas versões.

Jetta

O Jetta é um carro muito elogiado, além do seu visual atraente que chama atenção, tem um bom desempenho vai de  0 a 100km/h em 8,6s e tem um bom consumo. Com preço a partir de R$ 137.720. Na sua versão 2.0 Turbo ele vai de 0 a 100 km/h em apenas 6,6s, mas é quase 30 mil mais caro que sua versão de entrada. O Jetta apesar de ter as três primeiras revisões grátis, as peças e o seguro são bem mais caros que seus concorrentes.